Dois municípios fluminenses estão em alerta máximo devido à cheia de rios

31/12/2013 Terça-Feira, Dia 31 de Dezembro de 2013 as 15



Rio de Janeiro – Os municípios de São João de Meriti, na Baixada Fluminense, e Bom Jesus do Itabapoana, no noroeste do estado, estão em alerta máximo devido ao aumento do nível de rios que cortam essas cidades. Segundo o Instituto Estadual do Ambiente (Inea), que monitora a cheia dos rios no estado, o alerta máximo é o mais grave em uma escala de quatro níveis e significa que o rio já atingiu 80% do nível de transbordamento.

No caso de São João de Meriti, o problema é com o Rio Pavuna, que já transbordou e provocou enchentes no município nas chuvas dos dias 10 e 11 de dezembro. Em Bom Jesus, a preocupação é com o Rio Itabapoana, que também transbordou em meados de dezembro, deixando desabrigados no município.

Na Baixada Fluminense, dois municípios estão em alerta, o segundo mais grave da escala do Inea, devido ao nível do Rio Capivari: Belford Roxo e Duque de Caxias. Choveu na noite de ontem (30) no Grande Rio, provocando alagamentos na cidade do Rio e na Baixada Fluminense. Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a previsão para hoje é de dia parcialmente nublado a nublado, com pancadas de chuvas isoladas em todo o estado.

Fonte: Agência Brasil

Comentar notícia Indique a um amigo Imprimir notícia 

>> Últimos comentários

 Outras notícias.
17/04/2014
Ministério é contra construção simultânea de hidrelétricas e eclusas
17/04/2014
Comissão sobre mudanças climáticas vai analisar plano de trabalho na terça
17/04/2014
Comissão sobre transposição de níveis em rios ouve setor elétrico na quarta
17/04/2014
Deputado critica em audiência descaso do governo com seca no Nordeste
17/04/2014
Edições Câmara lança livro sobre sustentabilidade do ambiente na Bienal do Livro
17/04/2014
Terras férteis e vida simples: ribeirinhos atraem oportunistas e sonhadores
16/04/2014
Média de chuvas aumenta, mas nível do Cantareira continua muito baixo
16/04/2014
Mesmo com redução do nível do Rio Madeira, tráfego na BR-364 continua limitado
16/04/2014
MMA leva água potável e produção de tilápias ao interior de Alagoas
16/04/2014
MMA chama empresas para doar créditos de carbono na Copa do Mundo
rodape 1